Discente e egresso de Ciências Biológicas desenvolvem projeto de educação ambiental

Públicado em 11/07/2017
Imprimir
19989339_693696444152278_1154044348310523451_n

O acadêmico Luan Cezar Grofoski e o egresso Carlos Henrique Gonçalves Luz, do curso de Ciências Biológicas da Faculdade Guairacá, estão desenvolvendo um importante trabalho de educação ambiental no município de Itajaí, em Santa Catarina. Por meio do projeto Na Mata, são realizadas diversas ações educativas como trilhas noturnas, palestras sobre biodiversidade, fauna, flora, resíduos sólidos e desafios sócios ambientais.

Carlos contou que a ideia surgiu ainda durante sua graduação, enquanto ele e Luan estagiavam pela Secretaria de Meio Ambiente de Guarapuava no Parque das Araucárias. “Hoje estamos felizes pela ideia estar dando certo e pelas parcerias firmadas. Temos os pés no chão e damos um passo de cada vez, assim vamos consolidando e desenvolvendo nossos projetos de educação ambiental que são todos focados em unidades de conservação, tentando despertar o olhar sensível e o senso crítico nas pessoas que participam de nossas trilhas”. O egresso ainda contou que os conhecimentos adquiridos na graduação foram essenciais para o desenvolvimento do projeto. “Só tenho a agradecer à Faculdade Guairacá, pois foi onde aprendi tudo o que sei. Devo muito aos Mestres e Doutores do Colegiado de Ciências Biológicas”.

Durante o projeto, na última sexta-feira, 07, aconteceu a primeira edição da Trilha das Estrelas, uma trilha noturna na Unidade de Conservação do Parque Natural Municipal do Atalaia, com a participação de integrantes de quatro grupos de escoteiros do município.

Acompanhados por Carlos Henrique e pela engenheira ambiental Jamilli Girardi, da Diretoria de Educação Ambiental e Unidades de Conservação da Fundação do Meio Ambiente de Itajaí (FAMAI), os escoteiros aprenderam mais sobre assuntos referentes à importância do bioma Mata Atlântica, as vegetações nativas e as espécies de animais que habitam o parque.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

*