Metodologias ativas mediam trabalhos acadêmicos sobre atividade física

Públicado em 03/08/2017
Imprimir
foto_motivação_exercícios_físicos

As metodologias ativas de ensino têm sido um diferencial nesse início de 2º semestre na Faculdade Guairacá. Acompanhando a tendência, acadêmicos do 6º Período do curso de Educação Física Bacharelado estão desenvolvendo pesquisas e propondo ações sobre os estágios da motivação para prática de atividade física. O trabalho está sendo desenvolvido dentro da disciplina de Educação Física para Populações com Situações Especiais, ministrada pela professora Flávia Angela Servat Martins.

Nessa quarta-feira, 02, cada grupo de alunos recebeu orientações sobre um determinado estágio da motivação para prática de atividade física. Logo após, tiveram que dramatizar a cena para o restante da turma. “Essa é uma técnica que inverte a sala de aula. O centro fica no aluno e não no professor, ou seja, ele se torna um agente participativo na própria construção do conhecimento. Na atividade eu fiquei apenas como mediadora desse processo”, explicou a professora.

Durante o seu Mestrado em Ensino de Ciências da Saúde, Flávia tem aprendido mais sobre as metodologias ativas e vem colocando em prática em sala de aula, sendo nítido o maior envolvimento e aprendizado dos alunos. “Ao final da dinâmica ainda foi aplicada a avaliação ‘que bom, que tal, que pena’, onde eles elencaram o que gostaram, o que sentiram e o que desejam novamente. O retorno foi muito positivo”.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

*