Docentes e discentes de Odontologia fazem visita técnica a centro de referência mundial

Públicado em 05/03/2018
Imprimir
visita técnica

Os acadêmicos André Roberto Zampieri, Eloiza Belle e Michellen Viau Voznei, do Colegiado de Odontologia da Faculdade Guairacá, acompanhados das professoras Magda Kiyoko Yamada Kawakami e Sandra Matnei, estiveram na última quinta-feira, 1º de março, no Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC – USP) – Centrinho.

A professora Magda contou que os alunos apresentaram trabalhos de destaque sobre ‘fissura labiopalatais’ na Semana da Saúde, por isso, foram convidados pelo Colegiado a realizar uma visita técnica nesse que é considerado um centro de referência mundial. “Acredito que essa visita agregou muito conhecimento aos alunos, principalmente em relação ao trabalho conjunto que eles fazem com outras especialidades, além do cuidado não só com o paciente, mas com seus familiares também”.

O HRAC-USP é reconhecido no Brasil e internacionalmente como centro de excelência por reabilitar portadores de fissuras labiopalatais e malformações craniofaciais, desde que congênitas, além de oferecer tratamento completo na área da audição e da visão subnormal, integrando-os à sociedade.

Para o acadêmico André, a experiência engrandece sua formação. “Vi, na prática, como um bom acolhimento e acompanhamento, além de um trabalho feito com amor e dedicação interferem diretamente na vida e na recuperação do paciente. Com toda certeza foi o fator que marcou essa experiência, que vou levar comigo para sempre, e não só na minha vida acadêmica. Como grupo tínhamos uma expectativa muito boa antes da viagem e, realmente, depois da visita posso afirmar que as expectativas foram superadas. Crescemos como acadêmicos, futuros profissionais e humanos”. André destacou que o contato com os especialistas do centro os fizeram entender com mais clareza sobre como o atendimento multidisciplinar pode ajudar na reabilitação dos pacientes. “Ganhar essa viagem e ter a oportunidade durante a graduação de ver na prática o excelente trabalho desses profissionais faz toda a diferença no tipo de profissional que quero ser, e reafirma, o tipo de profissional que a Faculdade Guairacá quer formar: com integração e diálogo entre diferentes profissionais e áreas”.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

*